12.1 C
Conselheiro Lafaiete
quarta-feira, 16 junho 2021

Congonhas recebe mais 1010 doses de vacina para aplicação da 2° dose

Um novo lote imunizantes contra a Covid-19 chegou nesta segunda-feira (24) em Congonhas. Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde, do total das novas doses, 1010 são da AstraZeneca, produzidas pela Fiocruz, e 60 doses são da Coronavac, produzida pelo Butantan.

Ainda de acordo com a Secretaria, todas as vacinas AstraZeneca deste lote serão destinadas para a aplicação da segunda dose, completando o esquema vacinal de uma parcela da população que já completou o prazo que é de 4 a 12 semanas após a primeira dose. As doses de Coronavac também serão utilizadas para aplicação da segunda dose, mas possibilitarão, ainda, a imunização de gestantes com comorbidades.

Por recomendação da Secretaria de Estado de Saúde, inicialmente as pessoas que recebiam a vacina da AstraZeneca recebiam o agendamento da segunda dose para 12 semanas depois da primeira dose. Entretanto, com a disponibilização de novas doses, esse prazo será encurtado a medida de acordo com o número de vacinas disponíveis.

Quem tiver alguma dúvida relacionada ao processo de vacinação deve entrar em contato com uma Unidade Básica de Saúde mais próxima nos telefones das UBS’s abaixo.

É importante salientar que Congonhas segue o Plano Nacional de Imunização do Governo Federal e as diretrizes da Secretaria de Estado da Saúde que estabelece os grupos prioritários e a destinação das doses em cada lote de vacinas.

A imunização continua ocorrendo por meio de agendamento para evitar aglomerações nos postos de saúde. Para a vacinação é necessário, também, que todas as pessoas estejam portando um documento de identificação com foto e o cartão de vacinas.

VACINAS ASTRAZENECA E PFIZER SÃO EFICAZES CONTRA VARIANTE INDIANA, AFIRMA ESTUDO

Um estudo da agência de saúde pública da Inglaterra divulgado na noite de sábado (22) informou que as vacinas da AstraZeneca e da Pfizer são “altamente efetivas” contra uma das variantes indianas do coronavírus. O artigo ainda não passou por revisão de outros cientistas e nem foi publicado em revista científica.

Segundo a pesquisa feita entre 5 de abril e 16 de maio, a vacina AstraZeneca apresentou uma eficácia de 60% contra a variante indiana e da Pfizer mostrou-se 88% eficaz contra a forma sintomática da variante indiana duas semanas após a segunda dose.

As duas vacinas apresentaram 33% de eficácia contra a forma sintomática da variante indiana três semanas após a primeira dose e cerca de 50% contra a variante inglesa, segundo a PHE (Public Health England).

Congonhas não recebeu, ainda, nenhuma dose da vacina da Pfizer. A Secretaria de Estado de Saúde está destinando as doses deste imunizante para cidades com população acima de 79 mil habitantes e com distância máxima de 2h30 da capital mineira via transporte aéreo ou terrestre, de modo a ampliar as condições de preservação da temperatura de transporte indicada (-15°C à -25°C).

RECOMENDAÇÕES

Os profissionais da saúde recomendam que mesmo quem já recebeu alguma dose da vacina contra a Covid-19 deve manter todas as orientações de prevenção ao contágio, como distanciamento social, evitar aglomerações, higienizar as mãos e usar corretamente a máscara de proteção individual.

UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE

Alto Maranhão – 3733-2158
Alvorada – 3731-1746
Basílica – 3731-7960
Campinho – 3732-2257
Centro I – 3732-1376
Centro II – 3731-5750
Cinquentenário – 3731-2371
Dom Oscar I e II – 3732-1946
Ideal – 3731-4365
Jardim Profeta I e II – 3732-1945
Jardim Vila Andreza – 3731-4365
Joaquim Murtinho – 3733-1483
Lamartine – 3731-9310
Lobo Leite – 3733-3160
Pires – 3733-5074
Primavera – 3731-5235
Residencial – 3731-2036
Santa Mônica – 3731-6577
Santa Quitéria – 3733-4041
Vila Cardoso – 3733-6030
Vila São Vicente – 3731-2860
Central de Imunização de Congonhas – 3732-1070 / 3731-6688 (RAMAL 1740)
Coordenação de PSF – 3731- 3651

ASCOM

Ultimas Noticias

CNBB e Iphan assinam acordo para proteger patrimônio católico do Brasil

PATRIMÔNIO CULTURAL CNBB e Iphan assinam acordo para proteger patrimônio católico do Brasil A...

Prefeito Hélio Campos retornou suas atividades após o Covid-19

Na manhã dessa quarta-feira, 16/06, o prefeito Hélio Campos, retornou a suas atividades a frente do Executivo Municipal. O prefeito esteve afastado...

Prefeito de Queluzito testa Positivo para Covid-19

De acordo com a prefeitura, Danilo segue em isolamento domiciliar, a partir desta quarta feira(16)quando confirmou a infecção pelo novo coronavírus.

Prefeito Mário Marcus testa positivo para Covid-19

COMUNICADO OFICIALO Executivo Municipal, mantendo o compromisso de transparência e respeito com a população e com os servidores...