9.4 C
Conselheiro Lafaiete
quinta-feira, 23 setembro 2021

Após apreensão de nota falsa em Lafaiete, Polícia Militar orienta sobre como evitar seu recebimento

Nessa terça-feira, 30 de junho, a Polícia Militar registrou crime de moeda falsa em um estabelecimento comercial da Rua Aristides Francisco Pinto, Bairro Santa Matilde, no qual o proprietáriorelatou ter recebido um cédula falsa no valor de R$ 100,00 (cem reais) de uma mulher que ao sair, entrou em um veículo Fiat Palio de cor verde claro que ele acompanhou até a Rua Victor Eduardo Purri, onde um casal desceu do veículo porém a vítima os perdeu de vista.

Em diligências, a Polícia Militar tentou localizar o veículo e esse casal, mas até o encerramento do registro não obteve êxito.

O crime de moeda falsa está previsto no artigo 289 do Código Penal. Quem falsifica, fabrica, adquire, vende, troca, guarda ou mesmo tenta colocar uma cédula falsa em circulação está passivo de prisão com penas que variam de 3 a 12 anos de reclusão.

Uma tática bem empregada por quem pratica esse crime é a de utilizar notas falsas de valores altos para comprar itens baratos nos comércio visando o troco ‘limpo’. A dica para os comerciantes é que, além de saber as características de uma nota autêntica, procurem não ter pressa no atendimento, geralmente notas falsas são passadas em momentos de grande movimentação de pessoas justamente para evitar possível checagem.

Ultimas Noticias