18.5 C
Conselheiro Lafaiete
quinta-feira, 20 janeiro 2022

Equipe da Prefeitura de Ouro Branco reúne com empresas da região e IEF para apresentar modelo conservação da Serra de Ouro Branco

Na manhã de quinta-feira, 21/10, se reuniram na Prefeitura de Ouro Branco representantes do governo municipal com membros do Instituto Estadual de Florestas-IEF e das empresas Vale, Gerdau Açominas, CSN Mineração e Mantiqueira Linha de Transmissão.

O objetivo foi apresentar aos presentes, um novo modelo para implantação e gestão das unidades de conservação, como alternativa ao modelo atual, que tem sido considerado altamente burocrático e ineficiente, se revelando incapaz de atender a demanda e necessidade como de fato propõe o Sistema Nacional de Unidades de Conservação.

Desenvolvido pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Ouro Branco nos últimos meses, a proposta apresentada pelo secretário Neylor Aarão, prevê que um projeto piloto seja implantado nas unidades de conservação do Parque Estadual da Serra de Ouro Branco e o Monumento Natural do Itatiaia, envolvendo todos agentes num modelo compartilhado e integrado de gestão, possibilitando maior eficiência e celeridade nas ações para regularização, construção da infraestrutura e demais medidas previstas no plano de manejo, além de criar ambiente para instalação de demais projetos e propostas acessórias de apoio as atividades ambientais e de ecoturismo.

Segundo o prefeito Hélio Campos, com o investimento e concretização das infraestruturas de apoio no parque da Serra de Ouro Branco e Itatiaia, toda região será beneficiada com a geração de trabalho, renda e desenvolvimento econômico sustentável, possibilitando ao município desenvolver e implementar políticas de promoção ao turismo, tendo como objetivo alcançar o mesmo nível de qualidade dos serviços que se são oferecidos nas Serras Gaúchas.

O vice-prefeito Celso Vaz, destacou que se trata da base de um modelo que pode ser replicado pelo estado nas demais unidades de conservação, além de considerar que a proposta é de fato um marco para o desenvolvimento das unidades de conservação em todo estado de Minas Gerias.

As empresas alinharam com os representantes da prefeitura e do IEF, alguns pontos que serão inseridos no projeto, de forma a desburocratizar também o cumprimento de medidas compensatórias criando um bando de compensações, a fim de facilitar a regularização fundiária que tem se revelado um verdadeiro entrave.

A proposta base será apresentada em breve junto a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Estado de Minas Gerias, para que, aprovada, possa ser instituído um grupo de ação mútua e de gestão compartilhada, para implantação do projeto piloto nas unidades de conservação do Parque Estadual da Serra de Ouro Branco e o Monumento Natural do Itatiaia.

Ultimas Noticias