10.1 C
Conselheiro Lafaiete
segunda-feira, 27 junho 2022

Secretaria da Saúde alerta para a importância do combate ao Aedes aegypti

Dados da Secretaria Municipal de Saúde demonstram que nos quatro primeiros meses deste ano os casos de dengue tiveram um aumento exorbitante em comparação ao mesmo período do ano passado. A informação é do Setor de Epidemiologia que até o dia 25 de abril já confirmou 201 casos e tem 427 em investigação.

No mesmo período no ano passado, entre janeiro e abril, foram confirmados apenas dois casos.
Diante da situação a Secretaria de Saúde lembra à população que a principal ação de combate ao Aedes aegypti é eliminar os focos de água parada. “Ao reduzirmos ou eliminarmos os focos de água parada, reduzimos também o número de casos, pois destruímos os pontos onde o mosquito possa se proliferar”, destaca o Gerente de Epidemiologia Diogo Dias. Ele destaca ainda que mesmo no outono prevalecem altas temperaturas, o que é propicio para aumento do risco de proliferação do mosquito transmissor do vírus da dengue, zika e chikungunya.

Com o compromisso de alertar a população, a Secretaria de Saúde ressalta os cuidados para evitar a proliferação do mosquito, pois o maior número de focos é encontrado dentro dos domicílios. Por isso a importância dos cuidados com as residências e ambientes de trabalho, nas áreas internas e externas.

É necessário tirar ao menos dez minutos de apenas um dia da semana para verificar o telhado, calhas entupidas, piscina, garrafas, pneus e demais itens que possam acumular água e ser criadouros. Mesmo em lugares que necessitem fazer o armazenamento de água é importante não deixar os reservatórios destampados. No caso de vasilhames para alimentação dos animais, devem ser lavadas diariamente.
É fundamental que todos se envolvam na campanha de prevenção e combate ao Aedes Aegypti, esta é uma luta que não pode parar. Faça a sua parte, em poucos minutos você faz a vistoria em sua casa, previne doenças e salva vidas.

Ultimas Noticias