11.4 C
Conselheiro Lafaiete
terça-feira, 17 maio 2022

Secretaria de Saúde de Congonhas informa que internações pelo Covid-19 deste mês foram de não vacinados

Internações por Covid-19 são de pacientes que não tomaram todas as doses de vacina

Os dados mais recentes coletados junto ao Hospital Bom Jesus – HBJ, de Congonhas, apontam para uma conclusão alarmante. A maioria das pessoas que estão se internando em leitos de UTI ou de enfermaria são de pessoas que não tomaram todas as doses da vacina ou até nenhuma dose.

Informações obtidas junto ao Hospital Bom Jesus – HBJ mostram que, em janeiro, Dos 09 casos positivos, 02 estavam sem vacina e 03 com esquema vacinal incompleto, sendo que o maior número de pessoas internadas possuem idade que variam entre 50 e 60 anos, sendo o mais novo com 35 e o mais velho com 91.

Já nos leitos clínicos, com risco moderado, mas com certa gravidade, 11 pacientes foram internados no mesmo mês. Destes, 5 testaram positivos (45% dos casos confirmados) e 6 negativos, mas que entram como casos suspeitos. Dez destes foram cidadãos de Congonhas. Dos 05 positivos, 1 estava apenas com a primeira dose e 3 sem a dose de reforço.

A Secretaria Municipal de Saúde de Congonhas – SMS vem alertando sempre da necessidade de se tomar todas as doses, principalmente para pessoas acima de 60 anos de idade. Além disso, aquelas que possuem algum tipo de comorbidade, que normalmente é o caso das pessoas mais idosas.

Todas as Unidades Básicas de Saúde – UBS’s realizam estratégias que possibilitam a população buscar o serviço e tomar as doses conforme cronograma. As vacinas são disponibilizadas à medida que cada território avança na estratégia, mas isso depende muito da consciência cidadã de cada usuário.

A vacina ainda é o melhor meio para o controle da Covid-19, principalmente para impedir que a doença evolua para casos mais graves, exigindo internação e até levando a óbito, como o que ocorreu na cidade recentemente.

A pandemia ainda não passou. Se você não tomou todas as doses de acordo com seu cartão de vacina, está correndo risco de se infectar na forma grave da doença, pois o organismo vai perdendo seu poder de imunização à medida que passa o tempo. Por isso, é importante que a pessoa se vacine com a primeira e segunda doses e, ao completar quatro meses que tomou a segunda dose, busque a dose de reforço ou terceira dose.

Todas as semanas, a SMS disponibiliza equipe de vacina na entrada administrativa da Secretaria para dar mais uma oportunidade de porta aberta ao cidadão regularizar seu esquema vacinal. Ao mesmo tempo, as UBS’s da cidade possuem o horário do trabalhador, que é estendido o atendimento até as 20 horas para receber o público com outros serviços e também vacinas. Além disso, temos o serviço de busca ativa, mas que depende da pessoa ir até a Unidade para se imunizar.

Falta pouco para vencermos a Covid-19. Mas, precisamos fazer nossa parte. Evite também aglomerações, use a máscara facial corretamente e sempre higienize as mãos.

Fonte:Secom

Ultimas Noticias